[ editar artigo]

A FORÇA E A DELICADEZA DA MULHER

A FORÇA E A DELICADEZA DA MULHER

Dias atrás passamos pelo dia dos namorados, dia em que casais trocam presentes, palavras bonitas, fotos nas redes sociais... Alguns homens gostam, outros sentem vergonha de se expor, mas as mulheres, em sua grande maioria gostam dessa demonstração de carinho e cuidado.

Mas um movimento de força feminina extrema, vem abafando o que em nós é nato: a feminilidade. 

 

Sim, eu quero ser tratada com dignidade, quero meus direitos, quero receber salários equiparados aos dos homens porque cumpro o mesmo trabalho. Certamente.

Desejo essa igualdade de diretos, porque para mim nada tem a ver com ser mulher, tem a ver com dignidade humana.

Claro que sabemos que a mulher ainda sofre preconceitos pelo simples fato de ser mulher, mas desejar, almejar essa dignidade, não impede que eu siga sendo mulher, sendo feminina, saboreando as delicadezas, recebendo flores em momentos especiais, gostando de ser cuidada, de ser tratada com gentilezas...

Pode parecer besteira, mas sim, é parte da nossa natureza a troca de carinhos e delicadezas próprias de um casal.

Falar sobre o feminino, a vida da mulher e ocupar nosso espaço, nada tem a ver com nos masculinizarmos, perdermos nossa essência, nos colocarmos superiores ou medir forças com os homens. Esse é um movimento de conquista feito a base de muita delicadeza e presença firme e fiel em nossa essência.

Somos seres distintos, biologicamente diferentes, somos geradoras de vida, naturalmente cuidadoras. Somos força e garra, mas com a delicadeza e sensibilidade que nos é própria.

 

Receba as flores que te oferecem e siga pelo caminho bem acompanhada por sua beleza e perfume.

 

Quero as flores, o respeito, o amor, as mãos que apoiam e tudo mais que for coerente à uma mulher, mas que nossa luta diária não sufoque a nossa feminilidade.

Ler conteúdo completo
Indicados para você